Estou cativa de um riso franco
que abre sóis nos meus dias de tempestades
e se fecho os olhos por dois segundos
fecham-se os lábios desse riso sobre os meus
em um sonho doce e sereno

Mas longo é o caminho que leva
a este beijo de tardes frescas e perfumadas
e talvez jamais tenha um fim essa jornada
de olhares que se estreitam num lampejo

Talvez tenhamos sempre apenas o riso
jovem e cúmplice de amizade livre
que desvela quase tudo

E os lábios que desejo talvez jamais se fechem
em um beijo doce e sereno sobre os meus

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s