Alta Floresta, 14:36, 24ºC. umidade relativa do ar 83%. agora entendi porque as pessoas chamam a estação das chuvas de “inverno” aqui no norte. mais uma das muitas descobertas da região. algumas deliciosas, outras nem tanto. mas todas me dão mais e mais vontade de me radicar aqui mesmo.

voltei do Sul finalmente chamando Alta Floresta de “minha cidade” e minha casa de “minha casa”. demorou, mas algumas coisas são assim mesmo. estou em outro lugar, outro espaço e outro tempo. e agora tenho outros desejos. bem diferentes do que em janeiro de 2005 quando só sonhava em sair de Porto Alegre.

me mudei neste final de semana para o andar de cima de um sobradinho. temos planos, eu, Édina e Paulo, de tornar aquele espaço tão aconchegante quanto um lar deve ser. a provisoriedade vai dando espaço a um lugar que passa a ser meu/nosso.

revi a cidade que vai ser sempre minha – e que continua encantadora, apesar do Fogaça – mas não morri senti nenhum pesar em vir embora findas as férias. não pertenço mais àquela vida.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s