novos caminhos

fico às vezes meio pedida entre o simples e o complicado e me dou conta de que as coisas são simples, o que não significa que sejam fáceis… enfim, tem dias que são mais difíceis que outros. hoje é um deles.

tenho uma pilha de tarefas atrasadas pra dar conta, outro tanto de novos dragões para domar, dormi mal, tive pesadelos, meu amor não está aqui para me dar o colo de que preciso, nem minha irmã, nem meu melhor amigo. se já não sou mais uma menina triste e melancólica, tem dias em que uma pontinha de desânimo é suficiente pra que me sinta miseravelmente triste e sozinha. hoje é um destes.

graças a Deus há vento, farfalhar de folhas e as adoráveis maritacas pra me lembrarem de onde eu vim e porque estou aqui, longe das coisas que amo incondicionalmente. mas me sinto frágil e tentada a agarrar minha bengala de sempre. vai passar, escrever ajuda, mas nem o mate me faz a encontrar o fio da concentração… (suspiro)

ás vezes quase esqueço porque troquei a pequena e confortável concha por um par de asas. onde estão as estrelas que recolocam todas as coisas nos seus lugares?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s