Mágica

Green Lovers, Marc Chagall

(poema para o homem que não tem todos os meus pensamentos, 

mas sempre está nos melhores)

Ele escova as meias à noite para ficarem brancas de novo
eu só compro meias coloridas
Ele estica o lençol assim que levanta
eu acho que lençol nasceu pra viver amassado
Ele cozinha legumes pra jantar sozinho em casa todos os dias
eu faço sopa de pacotinho e como em frente à televisão
Ele tem um celular sempre pronto pra me ouvir
eu tenho dois que ficam frequentemente sem bateria
Ele se preocupa com questões de segurança
eu saio de casa olhando pro céu
Ele emagrece de preocupação
eu como chocolate desesperadamente
Ele pensa nas coisas práticas da vida
eu vivo cheia de dúvidas metafísicas
Ele planeja as coisas minuciosamente
eu simplesmente caio na estrada

Como isso pode dar certo?

Ele deixa água pronta pro meu chimarrão antes de sair
eu cozinho com carne todos os dias
Ele enche a geladeira de coisas gostosas pra me esperar
eu coloco dois quilos de erva mate na minha mala
Ele me espera com presentinhos na minha gaveta
eu encho a casa de bilhetes antes de ir embora
Ele é um marido compreensivo
eu, uma menina boba e apaixonada

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s