O calor arde nos olhos. São duas da tarde e o movimento do ônibus é antecipado pela miragem do asfalto feito superfície de lago em ondas. Mas não parece assustar o velho em sua bicicleta. Cabeça branca que reluz ao sol, mãos enrugadas que catam latas e plásticos, chinelos de borracha remendados que deixam um pedaço do calcanhar fritar no chão. Cada dia cozinha um pouco mais sua miséria parcamente remediada pelo lixo dos outros. Nada se perde, talvez nem a esperança.

Anúncios

One response to “

  1. é triste ver como as pessoas não se importam em ajudar , os que relamente precisam . Mais pare pra pensar : Uma pessoa q não corre atrás de seus objetivos tb nao consegue ser ngm na vida , ñ é ? rsEstou te seguindo , fazer nvs amizades é sempre bom \o/

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s