a boa vida sem pílula

no final do mês tive meu quinto período menstrual desde agosto, o último mês em que tomei pílula. é incrível como nós, mulheres, falamos sobre tantas coisas externas como moda, maquiagem, trapalhadas amorosas, e não falamos quase nada sobre aquilo que nos é mais íntimo e problemático.

tenho muita dificuldade em achar que mulheres e homens são tão diferentes. a maioria das coisas que as pessoas me apontam como diferenças entre nós e eles eu não acho tão diferentes assim. força física, destreza mecânica, habilidade para educar filhos… tudo uma grande bobagem. mulheres no volante de caminhões e pilotando helicópteros são prova de que essas diferenças não são reais. e a forma como meu marido cuida de seu filho também é prova de que não tem nada de essência feminina nisso. essência humana, provavelmente, exclusivamente feminina, não.

mas nossos ciclos hormonais são sim, uma diferença real entre nós e eles. uma diferença da qual nos desconectamos sem nem perceber. para a maioria das mulheres, menstruar é um fardo, e não apenas uma parte de todo um ciclo com outros momentos interessantíssimos da nossa vida. para a maioria dos homens, é uma coisa nojenta da qual não se deve falar, principalmente não no café da manhã. tabus que fazem mal pra todo mundo, principalmente pras mulheres.

bueno, chega de preâmbulos. se alguém fez as contas ali no primeiro parágrafo são sete meses e cinco ciclos… é, não foi fácil. mas está sendo interessantíssimo. parei de tomar a pílula para me reconectar comigo mesma (yeah, algum tipo de crise dos 30..). tomei pílula, com poucos meses de interrupção, desde os 17 anos. por que? comecei porque tinha um ciclo menstrual irregular. e logo depois porque tinha uma vida sexual regular.

mas há algum tempo isso vinha me incomodando. daí vi uns documentários, conheci mulheres que não tomam, uma amiga parou e disse que se sentia melhor, resolvi experimentar. sou bem casada e feliz, não tenho mais motivos para alimentar o medo paranóico de engravidar. não quero filhos agora, mas não vai ser um desastre se engravidar. conversei com o marido, ele topou usar camisinha e, assim, parei.

os primeiros 43 dias foram infernais. eu tive tudo nesses 43 dias. dor de cabeça, tensão no baixo ventre, dor de cabeça, cólicas, dores musculares, dor de cabeça, sono agitado, dor de cabeça, cansaço, dor de cabeça, dor nos quadris, dor de cabeça, seios sensíveis, dor de cabeça. e nos últimos 15 antes de menstruar pela primeira vez em anos sem pílula, eu chorei sem parar. por tudo. comercial de margarina, novela, chuva, unha quebrada. fiquei emocionalmente devastada, achei que finalmente a onda de problemas e tristezas do ano tinha me abatido e eu tivesse entrado em depressão. meu marido viajou e eu não queria sair da cama pra nada. mal saia de casa pra tirar o lixo. tudo isso com uma banca de qualificação de mestrado e o planejamento da parte mais difícil do campo da dissertação.

é, eu escolhi o momento perfeito pra parar de tomar pílula e ter um crash hormonal. mas quando eu ia imaginar que os hormônios fariam tudo isso comigo? descobri que poderia levar até 90 dias para ovular pela primeira vez depois de parar a pílula e cheguei a considerar voltar a tomar, com sangramento ou não, antes de ir a campo, para garantir alguma sanidade mental. antes disso, conversei com meu homeopata e ele me ajudou a manter a calma sem tarjas pretas. o sangramento veio uma semana antes de ir pro assentamento e eu voltei a ser uma pessoa normal.

o segundo ciclo foi de 38 dias. o terceiro, 36. o quarto, 37. o quinto, 35. acho que ainda estou entrando nos eixos, porque cada mês é diferente. segundo minha gineco, qualquer coisa entre 21 e 40 dias é normal e, desde que a regularidade se mantenha, não importa se um ciclo é de 23 ou 35 dias. o que determina se um ciclo regular é a repetição de qualquer número, e não a repetição do mágico 28.

a partir do segundo ciclo, minha pele e meu cabeço começaram a mudar. ficaram mais oleosos e agora eu tenho espinhas de novo, como quando eu tinha 15 anos. e a intensidade da oleosidade varia ao longo do mês também, acompanhando o ciclo. minha gineco diz que isso é resultado dos hormônios masculinos que voltaram ao meu corpo em doses normais, pois a pílula que eu tomava – Diane 35, era uma do tipo anti-hormônio masculino, nas palavras dela. se eu quiser minha pele e meu cabelos normais de novo, é só voltar a tomar esse tipo de pílula. não, obrigada.

outras coisas estão diferentes. o sangramento diminuiu pela metade do que era quando eu tomava pílula. uma coisa que minha gineco diz que não é muito comum, pois o efeito esperado é justamente o contrário. esse é um dos motivos pelos quais se receita pílulas a mulheres, aliás. para aquelas que têm um fluxo muito intenso, uma menstruação muito dolorosa, tensão muscular e cólicas muito fortes, a pílula ajuda a diminuir os sintomas. não é meu caso.

assim, acho que não volto a tomar por nada nesse mundo. a dor de cabeça que acompanhava o período menstrual desapareceu, o fluxo está pela metade, não tenho cólicas, a TPM está mais suave e eu quero sexo com meu marido muito mais vezes por mês do que antes. que motivos eu teria para voltar a tomar hormônios, então?

e, para os homens frescos que têm nojinho, pensem nisso: o sangramento mensal significa que algumas semanas depois a montanha russa hormonal feminina estará no pico mais alto, aquele mais excitante…

41 responses to “a boa vida sem pílula

  1. Olá meninas, muito bom compartilhar essas experiências. Li praticamente todos os comentários e poucas falaram do fluxo e cólicas intensas. Quando eu era adolescente, mal conseguia prestar atenção nas aulas de dor fora que junto a isso eu tinha praticamente uma hemorragia rs, e por esse motivo comecei a tomar pílula com 16 anos, fora meu problema com acne, que me deixaram mutias cicatrizes. Mas embora tudo isso tenha me afetado, decidi também parar de tomar, mesmo correndo todos esses riscos, e ah, já fiz ressonância para detectar uma possível endometriose e segundo a médica, está tudo certo. Eu gostaria de saber se alguém que tem esses mesmos sintomas está passando novamente por eles depois de parar com os hormônios, e se acharam alguma solução (natural).

    Obrigada meninas e bora viver uma vida mais saudável e consciente!!!

  2. Muito esclarecedor!!
    Fiquei muito mais tranquila!!

  3. Também estou na luta da parada da pilula, há 15 dias só… Notei várias melhoras, mas tbm estou com essa dor no baixo ventre e um pouco na parte inferior das pernas, só tive essa dor agora, quando tomava não tinha. Alguém teve dores nas pernas depois de parar a pilula?

    • Patti, vá no seu/na sua gineco. Não fica esperando pra ver o que é, é melhor ir e ser totalmente normal do que não ir e estar com algum problema que você nem imagine. Nem nós. Cada corpo é único, lembre-se sempre disso.

      • Nossa! Chocada! Achei que era só eu!!! Parei de tomar yaz a 2 dias e senti uma dor enormeeeee nas pernas, de não conseguir nem dormir! Fora a dor de cabeça que não passa!

      • Naiara, espero que você já tenha melhorado, e que tenha procurado seu/sua gineco pra acompanhar esses sintomas. Abraço!

  4. Tomei pupila por 11 anos e parei há uma semana. Parece que estou na TPM. Ando irritada, tem horas que triste, com mta dor de cabeça e nos primeiros dias tava mto desatenta.
    Espero que passe logo, pois não quero voltar a tomar esse veneno. Ouvi de uma cardiologista que a uti do hospital onde ela trabalha está cheia de moças com avc devido ao anticoncepcional, que é o maior veneno.

  5. Oiii…Então, parei exatamente este mês de julho de 2016 minha pílula, pois os motivos são parecidos aos teus. Comecei a tomar aos 22 anos, e hoje com a beira dos 37, sem pausas, percebi que nos últimos meses com a pilula, eu estava tendo enxaquecas insuportáveis, tipo dormir e acordar com essas dores infernais e me sentia inchada. Ainda nestes últimos 5 meses, meu fluxo havia diminuído muito, nem chego a usar um pacote com 8 absorventes no ciclo.
    Por chegar a beira dos 37 anos, e pensando no futuro resolvi parar a pílula para ver como meu organismo se comporta. Antes da pílula meu ciclo já era regular de 31 a 34 dias, com fluxo de 5 a 7 dias. Menstruei dia 17 de julho e se continuasse a pílula, iria recomeçar dia 20.
    Hoje, quase 10 dias depois da menstruação, e sem os efeitos da pílula, percebi que desde ontem tenho sentido dores no baixo ventre, dores que parada sinto e me movimentando sinto maiores, como se fosse uma dor de barriga daquelas. Percebi que meu cabelo está mais hidratado, pois tenho cabelos crespos que por natureza são rebeldes e secos.
    Pretendo futuramente ter filhos, provavelmente a partir de fevereiro de 2017, começarei as tentativas, pois quero ter antes dos 40. Tenho uma relação estável e neste momento estamos com outro método contraceptivo que é a camisinha. Também cheguei a esta decisão de parar a pílula, depois de conversar com meu marido.
    Como não lembro muito bem como eram exatamente meus sintomas antes da pílula, estou achando tudo novo e curioso. Tenho uma relação estável e neste momento estamos com outro método contraceptivo que é a camisinha. Também cheguei a esta decisão de parar a pílula, depois de conversar com meu marido.
    Agradeço por dividires tua experiência, foi muito esclarecedora.
    Abraços

  6. Você notou perda ou ganho de peso?

  7. Eu parei de tomar em fevereiro e meu fluxo também diminuiu bastante, além disso, me sinto mais disposta durante o dia… Antes eu vivia dormindo pelos cantos…
    Agora vamos aos contras: Meu peito diminuiu muito. SOCORRO! Só comigo isso?
    Beijos

  8. Olá bom dia! Procurando no google uma explicação para a raiz do meu cabelo ficar oleosa depois de parar com o anticoncepcional me deparei com esse texto maravilhoso.
    Parei para engravidar, estou no meu segundo mês sem, o primeiro meu ciclo foi de 32 dias…este mês vamos ver! kkkk, por enquanto estou me cuidando, para engravidar no segundo semestre do ano, mas isso é só Deus que sabe!! Beijos

  9. Não tomo pílula há 6 meses, minha pele está um horror…será que vai voltar ao normal? Já marquei gineco e dermato, quero tentar não voltar a tomar, mas se não tiver outro jeito…não mereço viver cheia de espinhas, estou na idade de cuidar das ruguinhas, rs. E olha que o período em que parei com a pílula coincide com mudança total na alimentação, que acredito estar melhor que nunca…enfim, queria saber de vcs após quanto tempo a pele estabilizou. Obrigada!

    • Fabíola, demorou quase um ano para estabilizar, mas elas não sumiram 100%. Eu sempre tive pele oleosa, mais propensa a espinhas (a vantagem é que demora mais pra aparecerem as rugas…). O que descobri foram alimentos que influenciam na qualidade da pele. Acontece que nosso corpo é um negócio complexo, cada coisinha que a gente mexe, mexe com o todo.

  10. Adorei o texto. Eu também tomava pílula há 14 anos, mas a enxaqueca estava insuportável com crises diárias e muito enjoo. Após parar com o anticoncepcional sumiram as crises. Estou há um mês sem tomá-lo, e ainda estou me adaptando, me sentindo bastante cansada, e com leves dores de cabeça, mas já estou menos inchada…é visível…mas o acompanhamento do gineco é essencial, fazendo exames para acompanhar…

  11. Nossa, adorei seu post.
    Eu estou passando pela mesma coisa.
    Tenho 25 anos e fiquei 9 anos tomando pilula. O pior de tudo é que realmente nao tem mulheres que queiram falar do assunto. Meu medico falava que nao havia problemas em tomar direto a pilula. Eu tinha frequentes dores de cabeça e tpm fortes e como eu era muito jovem tinha o medo de engravidar. Por isso eu optei pelo uso da pilula contínua, parando a cada 2 cartelas. Agora mudei de ginecologista, e para minha surpresa estou quase entrando na menopausa precocemente. No meu caso tem jeito, consigo reverter. Ele me indicou parar com a pilula, e parei. To me sentindo bem melhor, estou no meu primeiro ciclo e ja nao sinto tanta dor de cabeça. Você comentou que todo mês é diferente, eu estou tendo escapes. Não sei se é comum. Não encontrei ninguém reclamando disso sem uso da pilula. Mas… kkk
    Meu médico é muito atensioso, me explicou cada coisa que perguntei. Explicou o pq dos meus ovulos estarem diminuindo e quase se atrofiando. E fui descobrir que meu comprimido, tamisa 30, era muito forte. Mas enfim.. esperar e ver o que acontece.. heheh..
    Obrigada pelo post.. abraço

  12. tomei pilula por 4 anos e de uns tempos pra cá comecei a sentir muitas dores de cabeça e fiquei com medo de desenvolver um suposto AVC devido ao uso da pílula e então e joguei tudo pro alto e parei de tomar minhas dores de cabeça melhoraram muito o problema é que eu fico paranóica com medo de engravidar e estou usando só camisinha mesmo.

  13. Muito bom, é tão bom se identificar! Decidi parar não para engravidar, mas para melhorar minha qualidade de vida! Minha menstruação demorou 70 dias para descer depois que parei, tive tantas coisas nesse período que meu Deus! Mas passei…
    Realmente é engraçado, as pessoas condenam muito essa decisão, ainda mais quando se fala em casamento com preservativo!

  14. Ola … Então …tomo o diane 35 a 10 anos …. E estou sem tomar a uma semana …mais tenho sentido muita dor de cabeça ..estava com medo de ser outra coisa nem estava pensando que poderia ser a falta do remédio …tenho pelo e cabelo oleoso será que voltarei a ter espinhas rsrs o que vc faz pra controlar a pele .. Não quero voltar a tomar o anticoncepcional ..mais também não queria encher de espinhas de novo …parabens pelo post amei e me ajudou …agora estou bem despreocupava….obrigada !!

    • Primeiro de tudo, vc precisa acompanhar essa dor de cabeça com seu médico ou sua médica. Os primeiros meses sem me deram espinha e dobrou a oleosidade, depois foi regulando. Controlo com cuidados na alimentação, fui descobrindo alimentos que pioram a pele e eliminando eles do cardápio.

  15. impressionante como me vi neste relato…ótímo texto!! Parar o anticoncepcional foi a melhor coisa que fiz na vida, tomei uns 15 anos seguidos, um mês depois minha celulite reduziu pelo menos metade, desinchei e como nem tudo são flores meu rosto e cabelo estão super oleosos, mas isso resolverei na dermato. Ontem coloquei o Diu espero que eu adapte com ele.

  16. Obrigada pelo texto! So me ajuda a ter mais força de vontade em continuar sem a pilula. Tem exatamente 1 semana sem o anticoncepcional.

  17. Muito bom ler seu post, parei de tomar após 5 anos tomando direto. Faz 1 mês que parei e no inicio eu chorava do nada..af meu marido achou que eu tava ficando doida..rs Mais agora o que me preocupa é a diarreia, no seu post você não comenta isso, mais agora que estou menstruada me veio uma diarreia junto. Você teve algo assim?

  18. Você sofreu com dores de cabeça por muito tempo após parar com a pílula? Tô passando por isso, tbm parei e tenho dores de cabeça tds os dias, tá tenso… pensei em ir ao médico até ler seu post… o que acha?

  19. Olá , gostei muito do texto , antes não tinha lido nada sobre a pilula a não ser no Facebook em grupos de mulheres que estão tomando coragem e parando também , hoje na teoria seria o dia de voltar com o anticoncepcional porém não quero já conversei com meu noivo ele topou e disse que me quer saudável rs e que vamos sim usar a camisinha e fazer as coisas certas , agora é ter sorte para não ter muitos contras , pois não quero voltar:/ tenho mts cólica mesmo com ela tomara que sem não tenha mais !

  20. Parabéns pelo post a 4 anos fazendo sucesso … Vc ajudou muito essas dores só fazem agente pensar besteiras . Obrigada !

  21. Olá sou nova por aqui.
    alguém me tira uma dúvida:
    Parei de tomar Micronor e minha menstruação veio normal alguns dias depois, porém no segundo mês veio apenas um pouco de sangue e depois só uma massa marrom e os meus seios estão enchendo mais rápido de leite ( eu amamento minha filha de 2 anos) não estou grávida. Vocês acham que é o meu corpo se acostumando sem o hormônios da pílula?

  22. Eu parei de tomar pílula há 1 semana (tomo há 15 anos direto) e minha cabeça tá explodindo… acordei de madrugada com dor. Pelo teu post, vi que isso é normal e fiquei mais tranquila!

  23. Cheguei hj no seu blog buscando por explicaçoes para minha infernal e recorrente dor de cabeça nos ultimos dias, depois de ter parado meu anticoncepcional apos 17 anos de poucas pausas.

    Obrigada! Hahah…

  24. Olá, Gisele (esse seu nome, né? primeira vez q entro aqui… mas pelo endereço lá em cima… deve ser. kkkk). Num ato de desespero fui fazer umas pesquisas no google pra saber o que andava acontecendo comigo… quase não encontrei nada mto satisfatório… até que me deparei com esse post. Me vi nele! Tomo pílulas anticoncepcionais desde os 16 anos (tenho 29), também com pequenas interrupções (quando engravidei, há 8 anos, inclusive. :X rsrsrs). Venho sofrendo muito com crises de candidíase recorrente há uns 2 anos e depois de buscar mudar vááárias coisas na minha vida, na busca por uma vida mais saudável e um sistema imunológico normal, etc etc… comecei a pensar na possibilidade de parar de tomar a pílula (comecei a sentir que minha libido tb não tava a mesma coisa… e isso influenciou tb na minha decisão)… Enfim… parei. Isso faz menos de 1 mês… uns 10 a 1 5 dias mais ou menos depois de parar, comecei a sentir uma dorzinha diferente no baixo ventre esquerdo… depois passou pro direito… agora pro meio… toda a mucosa vaginal muuuito dolorida… seios também muito doloridos… cansaço… um monte e coisa. Mas oq causou meu desespero foram as dores… pensei em mil coisas. Mil doenças. rsrs Marquei minha gineco mas como só tinha vaga pra daqui a alguns dias… vim pesquisar pra ver se me tranquilizava (ou apavorava de vez). Também não pretendo voltar a tomar pílula não. Chega de tanto turbilhão hormonal na nossa vida, né?! E que meus hormônios se estabilizem logo. Ufa!
    Obrigada pela postagem tranquilizadora. kkkk
    Beijos,
    Mariana

  25. Pingback: um ano e meio sem pílula | venusemcrise

  26. Também me sinto muito melhor sem ela. Me sinto até mais magra, pois a pílula deixa a gente inchada. Sem contar que parei pq tinha tanto escape que chegava a ficar menstruada 3 vezes por mês, um inferno. E sem TPM nem me incomodo mais com as acnes🙂

    • Ola meninas. Tomo pilula a 10 Resolvi parar faz três dias mas ja tentei outras vezes e os sintomas foram tantos q não consegui. Lendo relato de vcs me incentivou a perseverar. Estou analisando por o DIU sem hormônio pois, parei com pílula devido ao risco de trombose q ja predispondo e estou com insuficiência nas safenas das pernas sendo provavelmente devido ao uso contraceptivo. Obrigada adorei ler as experiências.

      • Persevere. Mas tenha o acompanhamento do seu/da sua gineco. Sobre DIU, eu coloquei recentemente. Estou esperando estabilizar as coisas pra contar como foi

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s