Sucubus

(para Georgina Kincaid)

Cravo, canela e pimenta
absinto, sândalo e jasmim
intoxicante e irresistível

Eu me alimento do teu desejo
cruzo as pernas com malícia
mordo a caneta, molho os lábios
te olho por baixo dos cílios

E você vem para mim
ansioso e hesitante
algumas vezes suave
quase sempre urgente

Com a ponta dos meus dedos
desenho teus lábios
passeio por teu rosto
te beijo, mordo
suspiro

E acordo sozinha
saciada e vazia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s