A menina que roubava livros

image

– É só que ele bateu no chão com muita força.
– Nem me lembre.
Mas Rudy Steiner não pôde resistir a um sorriso. Em anos vindouros,  ele seria um doador de pão,  não um ladrão – mais uma prova de como o ser humano é contraditório.  Um punhado de bem, um punhado de mal. É só misturar com água.

Ainda nem na metade, mas já encantada com trechos simples e certeiros como essse.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s